Principal Inovação Arielle Charnas, da Marinha, tem mais sucesso do que nunca - mas a que preço?

Arielle Charnas, da Marinha, tem mais sucesso do que nunca - mas a que preço?

Arielle Charnas, a superinfluenciadora fundadora do blog de estilo Something NavyCortesia Something Navy



O maior medo de Arielle Charnas a está desapontando 1,1 milhão de seguidores no Instagram . Quando ela diz isso, a fundadora do blog de estilo de 31 anos Algo da marinha incha com lágrimas. Eu realmente não sei sobre o que, diz Charnas. Mas qualquer coisa que os decepcionasse.

No momento, não parece haver muito motivo para preocupação. Depois de assinar um acordo de licenciamento de vários anos com Nordstrom , as coleções consecutivas do influenciador do Instagram neste outono se tornaram a parceria mais bem-sucedida do varejista de todos os tempos - gerando cerca de US $ 5 milhões em vendas em um único dia e superando as colaborações anteriores com Beyoncé e Rihanna . A linha dela foi um sucesso tão estrondoso que o co-presidente Pete Nordstrom, herdeiro de quarta geração do império baseado em Seattle, teve que se desculpar para o problema de alta qualidade da oferta não atender à demanda. Estamos testando os limites e as fronteiras de tudo o que já fizemos online, explicou ele.

A cada nova coleção, o tráfego sem precedentes de seguidores de algo da Marinha derrubava o site da Nordstrom. No dia 13 de dezembro, aquela mesma base de fãs raivosa retornará novamente para uma edição do feriado de jaquetas de couro, tops de lantejoulas, suéteres de cashmere e bijuterias que Charnas tem promovido há semanas no Instagram. Todos os sinais apontam para outra venda instantânea. Neste outono, Charnas deu início a um contrato de licenciamento de vários anos com a Nordstrom que, até agora, tem sido a parceria de maior sucesso do varejista de todos os tempos.Cortesia Something Navy



Charnas atravessa o Instagram de forma segura, descomplicada, elevado básico, enchendo seu feed com uma mistura acessível de beleza, família, condicionamento físico e moda - tudo saudável, simples e com um estilo perfeito. É uma fórmula que atravessa gerações, de mulheres de 13 a 60 anos, a quem Charnas parece sussurrar. Você também pode usar isso enquanto ela sorri com olhos gigantes e expressivos. E, claro, agora eles fazem. Quando Charnas publica os detalhes de tudo o que ela está usando, seus fãs compram muito. Só no Net-a-Porter, mais de três por cento dos seguidores do Something Navy que clicam nos itens compram ou convertem, gastando em média US $ 700 por pessoa. É uma das razões pelas quais Charnas foi chamado o futuro da moda .

Sete dias por semana, ela é o centro de um universo vibrando com vinte e poucos anos orvalhado funcionários que postam fotos sinceras de Charnas e depois explodem em gritos de quem gosta, segue e comentários chegam a dezenas de milhares.

Quando nos encontramos no loft do Madison Square Park, ela divide com o marido, Brandon, e as filhas Ruby e Esme , Charnas está oscilando na beira de um banquinho de bar para fazer a maquiagem. Os ângulos rígidos de seu corpo magro são suavizados por uma cachoeira de cabelo tão brilhante que lhe rendeu um spot na TV com TRESemmé em 2015 - e mais de 300 outros negócios desde então. No entanto, apesar de todo o sucesso, Charnas me diz que não ficará satisfeita até que seja a próxima Tory Burch.

Onde você vê alguém, você vê um grupo de pessoas na rua e pode dizer que eles estão dentro - que são algo da Marinha, ela diz entre grandes sorrisos brancos para a câmera. É quando eu saberei que consegui.

Charnas começou a Something Navy em 2009 como um Blogspot de editoriais difusos nos trajes mais bonitos, sexy e legais - principalmente para impressionar um namorado que acabou largando-a de qualquer maneira. Na época, com 22 anos e desesperada para trabalhar na moda, Charnas foi rejeitada por todas as grandes revistas (quase todas já traçaram seu perfil). Então, ela encontrou um emprego no varejo, ganhando apenas o suficiente para alugar um nicho sem janelas no apartamento de um quarto de sua irmã - e algum dinheiro restante para comprar roupas. Nos dias de folga, ela tirava fotos, estilizando sua moda rápida - Forever 21, H + M, Aldo e Steve Madden - com peças vintage de designer que ela pegava emprestada de sua mãe. Charnas com seu marido, Brandon, e filhas, Ruby e Esme.Cortesia Something Navy

Em poucos meses, uma jornalista de moda chamada Karen Robinovitz percebeu e se ofereceu para conectar Charnas a marcas de moda em busca de parcerias não tradicionais. Seu primeiro trabalho pago no blog foi com a Saks (ela ganhou crédito em sapatos em troca de postagens no blog com produtos da Saks). Em 2010, quando Robinovitz começou o que viria a ser a primeira empresa de marketing digital influenciador , Charnas estava entre seus primeiros clientes. Com milhares de mulheres visitando o site todos os dias, o Something Navy não era mais um projeto baseado na vingança pelo término do namoro. Era um destino - e uma marca de estilo de vida em expansão. Eu não precisava de um namorado, não precisava de ninguém, diz Charnas. Eu me senti forte.

Ainda assim, desde que mudou o blog para o Instagram em 2013 - onde ela acumulou mais de 250.000 seguidores em menos de um ano - Charnas lamenta que ela teve que estar a cada segundo. As pressões de viver em um Show de Truman de sua própria criação são ... exaustivas.

Às vezes eu gostaria de poder ser um pouco mais reservado, ela diz enquanto um fotógrafo de lábios rosados ​​registra cada movimento seu. Só que nãosempre tendo que compartilhar minha vida e que todos saibam tudo sobre mim e minha família. Tenho momentos em que penso: Por que estou postando que meu filho se mudou para uma cama de menina grande? Porque então eu recebo um milhão de mensagens dizendo ‘Você não deveria fazer isso nesta idade!’ E eu fico irritado. Eu gosto de compartilhar minha jornada e isso me deixa feliz, mas eu nunca realmente penso sobre o que vem com isso. O primeiro negócio de seis dígitos de Charnas foi um comercial de TV com TRESemmé em 2015. Desde então, o influenciador de 31 anos garantiu mais de 300 outras parcerias pagas.Cortesia Something Navy

Charnas não pode tirar férias, ou ficar doente, ou mesmo ter um bebê sem convidar seus fãs para um passeio. E se ela fizesse? Meus seguidores ficariam muito chateados, diz ela. Eles sentem que são devidos quase a cada segundo.

Depois de dar à luz sua segunda filha neste verão, Charnas não tirou licença maternidade - o nascimento anúncio foi a postagem que ela mais gostou, elevando as taxas de engajamento para sete vezes o que o mercado de influenciadores considera bom. Eu pensei que, quando eu tivesse bebês, meus seguidores superjovens já teriam ido embora. Mas os jovens de 15 anos são loucos por meus filhos, Charnas dá de ombros. Eles estão obcecados.

Esse nível intenso de fandom muitas vezes leva ao envolvimento na vida real também. Estranhos se sentem no direito de se aproximar de Charnas, nas calçadas e nos restaurantes, abraçando-a como uma amiga que conhecem há anos. Eles perguntam sobre as crianças, ou onde encontrar aquele casaco, ou dizem que ela é muito magra ou que é hora de cortar o cabelo. Pode ser por isso que a ideia de decepcioná-los a faz chorar.

Charnas diz que também se preocupa todos os dias com as pessoas que realmente conhece - em sua vida pessoal e profissional - e por que elas podem estar orbitando sua órbita. Poderia ser pelos motivos errados? ela pondera em voz alta. Definitivamente. Ela sabe que eles não têm más intenções, mas ainda assim.

Não tenho amigos por causa disso, diz ela. Além de suas irmãs, sua equipe e um punhado de mulheres que ela conhece desde a infância, Charnas diz, eu realmente não preciso de amigos. E eu sempre mantenho minha guarda alta, porque eu sei que definitivamente existem garotas que são amigas pelos motivos errados.

Aqueles dentro do círculo estreito de Charnas colhem os benefícios muito mensuráveis ​​e comercialmente lucrativos da proximidade de um super influência : suas próprias pegadas sociais crescentes. É um fenômeno que todos ao seu redor se referem com entusiasmo como O Efeito Charnas - exceto a própria Charnas. Jane Rye , ex-COO da Something Navy, diz que essa é uma das razões pelas quais eles nunca contratam alguém que tenha seu próprio blog. Não queremos que eles usem Arielle para se promoverem.

Todas as mulheres que trabalham para Charnas viram seus seguidores sociais dispararem, e algumas ganharam parcerias pagas por causa disso. Isso inclui pelo menos um de as irmãs dela , uma blogueira de beleza que recentemente leitores do Allure andou através de seu estoque de maquiagem de $ 32.000. A outra irmã de Charnas usa o Instagram para mostrar o portfólio de estilo dela . Mas o destinatário mais descarado da celebridade residual de Charnas é, sem dúvida, seu marido, Brandon, um corretor de imóveis comerciais que orgulhosamente atribui seu sucesso profissional a ter aproveitado a mídia social de sua esposa.

As pessoas vão me contratar porque ela me deu uma audiência, diz ele, zumbindo pelo apartamento em um ritmo que corresponde às suas palavras. Uma em cada quatro mulheres de 24 a 36 anos em Nova York me segue. Por causa dela! Preparando-se para o close-up.Cortesia Something Navy

Brandon é cofundador da Conselheiros Atuais , uma empresa que cria valor para os clientes por meio de uma forma disruptiva de pensamento - o que significa encontrar inquilinos para lojas de varejo ultraprime e desocupadas em velocidade recorde, muitas vezes prometendo a potenciais locatários que sua esposa aparecerá e o Instagram. Ele também intermediou negócios para marcas com as quais ela se relaciona. Em março, Brandon representou a marca de roupas esportivas femininas Bandier em um Aluguel de 27.500 pés quadrados acordo na Bond Street em NoHo. Charnas é um investidor Série A da empresa, que, diz Brandon, está provavelmente avaliada agora em US $ 100 milhões.

Essa parceria começou em 2014, quando Charnas postou aleatoriamente uma selfie com um par de leggings Bandier que sua mãe lhe deu. No dia seguinte, o cofundador e CEO de Bandier, Neil Boyarsky, estava ao telefone. Quem é Você? ele perguntou. Eles tinham acabado de vender todo o estoque. Boyarsky queria pagá-la para continuar postando, mas a pedido de seu marido, Charnas pediu participação na empresa. Quando ela posta, vemos um aumento de 300 ou 400 por cento nas vendas de tudo o que ela está vendendo, explica Boyarsky. Ela não é muito sofisticada para que as pessoas se sintam alienadas.

De acordo com Brandon, a taxa de conversão extraordinária de sua esposa se resume a uma equação simples: seus seguidores acham que Arielle é amiga deles, diz ele. Essa é a chave.

Eu li cada comentário e DM, diz Charnas. Cada um. Eu não respondo a todos eles, não porque eu não queira, mas apenas porque demoraria muito. E não quero dar esse trabalho a ninguém. Porque não sou eu, sabe?

Ao longo de 2019, as ofertas da Something Navy continuarão a se expandir - em roupas infantis, equipamentos de viagem e acessórios. Charnas pode até mesmo pular do Instagram para a TV, se surgir a oportunidade certa. O que pode ser mais cedo do que qualquer um pensa. Enquanto Charnas e seu marido saem pela porta para seu próximo compromisso, Brandon olha para trás em minha direção. Você vem para a reunião com a Bravo?



Artigos Interessantes